Dois estudos afro-brasileiros

Encerra dois ensaios : “A umbanda em Brasília: Uma notícia etnográfica”. Trata-se do primeiro estudo antropológico publicado sobre a umbanda candanga. O outro ensaio, intitulado “A palavra e sua imagem”, também tem a marca do pioneirismo: vem a ser o primeiro estudo publicado sobre a chamada “língua angola”, variedade lingüística em uso nos terreiros de candomblé do rito angola, caracterizável como um diatipo de uso religioso.
Leia mais